Receitas e lucros da ZON com ligeiros decréscimos em 2011

Publicado em 01/03/2012 01:33 em Geral

Os lucros da ZON baixaram 3,5%, para 34,2 milhões de euros, e o volume de negócios baixou 2,0%, para 854,8 milhões de euros, apesar do aumento do número de clientes, anunciou o operador de televisão por cabo e telecomunicações.

Em comunicado de apresentação de resultados, a ZON destaca que o número de clientes «triple play» (televisão, Internet e telefone) cresceu 10,3%, para 708,7 milhares, num total de 1,1784 milhões de subscritores de televisão por cabo (mais1,2%), e a receita média por cliente (ARPU) aumentou 0,8%, para 35,7 euros no último trimestre de 2010.

O operador salienta que mais de 60% dos clientes de cabo subscreu pacotes de «triple play».

O número de clientes ZON de banda larga fixa subiu 7,1% em 2011, para 739,2 milhares, o de subscritores de telefone fixo aumentou 13,7%, para 883,9 milhares e o número de clientes de telefonia móvel cresceu 15,8%, para 125 mil.

Na área do audiovisual e cinemas, a ZON indica que o número de bilhetes vendidos diminuiu 3,9%, ainda assim um desempenho melhor do que o conjunto do mercado, que se retraiu 5,2%, permitindo melhorar a quota da ZON Lusomundo para 55,7% do mercado.

A receita média por bilhete de cinema aumentou 1,7% e atingiu 4,8 euros no quarto trimestre, influenciada pelo preço superior da tecnologia a três dimensões, disponível em 40% das 217 salas do grupo, adianta a ZON.

Ainda sem comentários