NSN vai despedir 4 100 na Alemanha e Finlândia

Publicado em 03/02/2012 01:37 em Indústria

A Nokia Siemens Networks (NSN), empresa comum da fabricante finlandesa de telemóveis Nokia e da multinacional alemã Siemens, anunciou que vai suprimir 4 100 postos de trabalho na Alemanha e Finlândia.

Esta redução de emprego enquadra-se no objectivo de eliminar até ao fim de 2013 cerca de 17 mil empregos na fabricante de equipamentos de redes de telecomunicações, quase um quarto dos 74 mil postos de trabalho da companhia.

Segundo a newsletter Telecoms.com, um porta-voz da NSN disse que começaram a falar com os trabalhadores nalguns países «sobre o impacto das reduções de custos anunciadas a 23 de Novembro» de 2011.

«Este é o início do processo de consultas com os representantes dos trabalhadores, onde partilhamos o que propomos em termos de redução da força de trabalho», acrescentou.

A NSN vendeu recentemente o seu negócio de acessos de banda larga à Adtran, para onde transferiu 400 empregados, e vendeu a unidade de micro-ondas à DragonWave, que recebeu 360 trabalhadores da NSN.

O porta-voz da empresa assinalou que a NSN pretende concretizar até ao fim de 2012 a grande maioria das reduções de pessoal previstas.

Ainda sem comentários