Subscrições mundiais banda larga retomaram no primeiro trimestre

Publicado em 12/07/2010 07:40 em Destaques

As novas subscrições de banda larga a nível mundial retomaram no primeiro semestre de 2010, atingindo um total de 484,97 milhões de subscritores, o que corresponde a um crescimento de 3,2% e a um aumento de 15,0 milhões face ao fim de 2009, segundo dados da empresa britânica Point Topic, que produz informação sobre serviços de telecomunicações e banda larga..

Este foi o terceiro maior crescimento líquido de subscritores de banda larga nos últimos anos, na sequência de três trimestres de abrandamento.

O máximo de aumento líquido de novos subscritores num trimestre (20,22 milhões), foi conseguido nos três primeiros meses de 2009.

Nos 12 meses decorridos entre 1 de Abril de 2009 e 31 de Março do ano em curso registaram-se 53,73 milhões de aumento líquido no número de subscritores de banda larga no mundo, o que significa um acréscimo homólogo de 11%, revela a Point Topic-

A taxa de penetração da banda larga subiu no fim do primeiro trimestre para 8,4% da população mundial (7,5% um ano antes) e para 30,8% das famílias, o que compara com 27,4% no fim do primeiro trimestre de 2009.

A China, que já há algum tempo destronou os Estados Unidos, lidera no número de subscritores de banda larga, com 112,59 milhões de ligações (23,2% do total), seguindo-se os EUA com 87 milhões (17,9%).

A tecnologia DSL , que utiliza o par de cobre dos fios telefónicos, continua a ser a mais vulgarizada, dado que é a utilizada para acesso à banda larga em quase 312 milhões de casos e tem um peso de 64,33% na base de subscritores de banda larga a nível mundial, indica a Point Topic.

As ligações por cabo representam quase 98 milhões de ligações e têm um peso de 20,20%.

As ligações Fttx (fibra óptica até casa, até ao edifício ou até um nó próximo, por exemplo ao início da rua), com 62,5 milhões de linhas, 12,88% do total.

A China tem o maior mercado de DSL do mundo, com 89,3 milhões de subscritores de banda larga com aquela tecnologia, o que equivale a 28,6% do total mundial de ligações DSL.

Os Estados Unidos surgem em segundo lugar no DSL, com 32,6 milhões de subscritores (10,4% do total mundial), mas a tecnologia dominante nos EUA é o cable modem (Cabo), com 45,5 milhões de assinantes de banda larga, o que representa quase metade (46%) do total do planeta.

A Alemanha tem 23,3 milhões de subscritores de banda larga com tecnologias DSL e 3,9 milhões com cabo, o Reino Unido 14,8 milhões DSL e 3,9 milhões com cabo, a França quase 18 milhões de subscritores com DSL e a Itália com 13,12 milhões de ligações DSL, enquanto no cado se destacam também a Holanda (2,42 milhões) e a Espanha (1,98 milhões).

A Point Topic indica que a Ásia domina nas ligações de banda larga com tecnologia de fibra óptica. Só as regiões Ásia/Pacífico e Ásia do Sul e Leste têm 51,59 milhões de ligações de banda larga sobre Fttx, o que significa 82,76% das ligações do planeta que utilizam aquela tecnologia.

A China lidera, com 23,2 milhões de subscritores com fibra óptica (37% do total mundial), seguindo-se o Japão com 17,69 milhões (28,3% do global) e a Coreia do Sul com 8,32 milhões de subscritores com Fttx (13,3% do total).

Ainda sem comentários