Microsoft anuncia acção judicial contra grupo Comet

Publicado em 06/01/2012 01:03 em Software

A Microsoft anunciou que vai proceder judicialmente contra o grupo britânico de retalho Comet por alegadamente ter produzido e vendido mais de 94 mil CD’s contrafeitos de recuperação de Windows Vista e Windows XP.

Os alegados CD’s contrafeitos teriam sido vendidos a consumidores que compraram computadores de secretária e portáteis com o Windows pré-instalado.

Em comunicado, a Microsoft afirma que a Comet produziu e vendeu milhares de CD’s contrafeitos do Windows a consumidores britânicos.

«As acções da Comet foram desleais para com os consumidores. Esperávamos melhor dos retalhistas dos produtos da Microsoft e os nossos clientes também merecem melhor», afirma David Finn responsável mundial da Microsoft para a área anti-pirataria e anti-contrafacção, citado no comunicado.

Ainda sem comentários