Kaspersky apresenta nova solução de segurança informática para empresas

Publicado em 16/11/2011 01:08 em Segurança Informática

A empresa de segurança informática Kaspersky, tradicionalmente mais focada no mercado de particulares, apresentou hoje uma nova solução de segurança informática para empresas, o «Kaspersky Endpoint Security 8», complementada pela consola de gestão da segurança «Security Center 9».

Numa apresentação à imprensa, Sérgio Gonçalves, engenheiro de sistemas da multinacional russa, indicou que nos últimos três anos a empresa se focou em novas tecnologias de protecção e o resultados são os produtos agora apresentados, salientando que o «Endpoint Security 8» tem mais de 70% de código novo.

Sublinhou que as empresas precisam de garantir a 100% e em tempo real a segurança informática, o que é dificultado pelo aumento da utilização de dispositivos móveis, o acesso a redes sociais e a computação na nuvem.

Sérgio Gonçalves salientou que surgem 70 mil novas ameaças por dia, uma a cada dois segundos, e a base de dados da Kaspersky contabiliza já 6 milhões de ameaças, uma duplicação no espaço de cerca de um ano.

Uma em cada 14 transferências na Internet contém software malicioso, precisou.

Sérgio Gonçalves indicou que os novos produtos de segurança para empresas permitem a monitorização constante de vulnerabilidades em todo o sistema informático, alertas e informações de problemas e vulnerabilidades aos administradores do sistema, controlo de acesso a dispositivos da rede, definição de restrições ao uso de unidades USB ou definição de políticas de navegação na Internet.

O software permite, ainda, fazer a gestão de máquinas virtuais, produzir inventários de hardware e software, actualizar remotamente dispositivos móveis da empresa que estão fora da rede, monitorizar o estado de protecção em todos os níveis do sistema e emitir relatórios de segurança.

Fernando Simões, director de vendas da Kaspersky em Portugal, salientou que há 250 milhões de utilizadores do software de segurança da empresa em todo o mundo e que o seu número cresce ao ritmo de 150 mil por semana.

Fernando Simões, citando dados da consultora e analista de mercado GFK, disse que a Kaspersky lidera em Portugal no número de licenças de software de segurança vendidas no retalho e tem como objectivo manter essa liderança nos próximos anos.

Ainda sem comentários