Tribunal alemão recua parcialmente na proibição Galaxy Tab na UE

Publicado em 18/08/2011 00:00 em Geral

O tribunal alemão que tinha decidido proibir a comercialização na União Europeia (UE) do Samsung Galaxy Tab 10.1, devido a uma queixa da Apple relacionada com patentes, reconheceu não ter jurisdição para a UE e manteve a interdição de venda apenas para a Alemanha, indicou o New York Times.

Um porta-voz do tribunal regional de Dusseldorf afirmou que aquele tribunal decidiu anular a ordem de proibição de venda do media tablet da Samsung em toda a UE (excepto Holanda), decisão que recentemente tinha proferido.

A decisão preliminar do tribunal de Dusseldorf foi tomada antes de se iniciar o julgamento do caso, marcado para 25 de Agosto.

A Apple queixa-se de que o media tablet Samsung Galaxy Tab 10.1 copia «descaradamente» o seu iPad nalguns aspectos, infringindo 10 patentes da marca da maçã.

A Samsung já saudou este recuo do tribunal alemão e garante que dia 25 apresentará a sua defesa perante aquela instância judicial.

E se os argumentos da Apple forem rejeitados, especialistas em direito admitem que a Samsung possa conseguir uma indemnização pelos prejuízos provocados pela queixa da Apple.

Ainda sem comentários